Translate

quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

Mesmo que Machuque...

Com seu olhar você me traz para longe
Longe de tudo
Longe de todos...
Suas palavras me fazem viajar
Num planeta inabitado, desconhecido.
Uma leveza enorme me domina,
Sinto-me abrir as asas, sei que posso voar!
Mesmo que esteja enganada, 
Mesmo que abra as asas e pule de um penhasco
Confiando na minha suposta capacidade,
Sei que quando estiver caindo, você irá me segurar.
Sim!
Confio em você!
Toda a minha segurança.
Todos os meus sorrisos, eu entrego à você.
Porque eu sei que você será capaz.
Faço de você, o meu Anjo!
Meu guia, meu amigo
E meu refúgio.
Sinto outro sentimento me dominar.
Uma paz.
A tão esperada e tão impossível paz.
Sim... Você é mesmo um Anjo,
O único capaz.
Sim... Eu posso sentir-me te amando.
E esse amor, nada vai destruir.
Nem se minhas asas arrancar,
Nem se o meu corpo agonizar.
Nem se a dor evoluir,
Nem se o meu coração se ferir.